Nossas Atrações Artistícas

As atrações artísticas convidadas pela organização do FLASOMA Brasil 2020, estão sendo divulgadas por suas nacionalidades, de modo a valorizar os laços latino-americanos com a mágica mundial.

O espanhol Miguel Muñoz é um mágico, artista de circo e co-diretor da empresa de espetáculos Puntocero. Muñoz  é um artista que foi premiado em  numerosas ocasiões, incluindo o Grand Prix World Magic FISM 2018, realizado em Busan, na Coréia do Sul. Premiação da mais renomada associação de mágicos do mundo, no caso a Federação Internacional de Sociedades Mágicas. No mesmo ano de 2018 Miguel Muñoz ganhou também o primeiro prêmio de Magia Geral. Em  2015 recebeu o World Magic Prize. Em seu currículo se inclui ainda o National Grand Prix de 2011, o European FISM Award de2014, o Frakson Prize para o melhor mágico do ano de 2010.

Miguel Muñoz também trabalhou com empresas e diretores cinematográficos de prestígio, como Tim Burton e Disney, em seu mais recente filme DUMBO, que estreou em março de 2019. Ele viaja com seus shows por todo o mundo, tendo trabalhado em lugares de prestígio, como no The Magic Castle of Hollywood, no National Theatre em Londres, no Circus Price Theater em Madri , e no National Theatre of Taipei.

Durante o FLASOMA Brasil 2020, o público estará prestes a testemunhar pela primeira vez na América Latina, após ser premiado pela FISM, o ato “Água”, um número estético, poético e visual em que o ilusionismo se funde com o malabarismo de contato, e o teatro físico.

Mágico desde a infância, Willliam Seven é o atual Campeão Latino Americano Grand Prix do FLASOMA 2017 – FISM LATIN AMERICA conquistado em Buenos Aires, Argentina. Foi medalha de bronze no Magic in RIo 2013. E conquistou 4º Lugar no Campeonato Mundial de Mágicas FISM 2018, conquistado em Busan na Coréia do Sul. Nascido em uma família de mágicos se apresentou em congressos de ilusionismo por todo o Brasil desde criança. Passou parte da infância em cidades Argentinas, como Córdoba e Buenos Aires na tourné do Circo Orlando Orfei. Trabalhou e produziu shows de mágicos mundialmente famosos, em duas turnês nacionais, com a Produtora de Shows “Poladian Produções”. Com seu show corporativo, já trabalhou em grandes empresas como, Volkswagen, Microsoft, Natura, Siderúrgica Villares, Coca Cola, e outras. Atualmente ministra conferências e workshops para mágicos em diversos países como Colômbia e Argentina.

Alejandro Muniz e Juan Araújo começaram a atuar juntos em 2015, focando seu trabalho na Telepatia. No Flasoma 2017, em Buenos Aires, estrearam o ato Os Charlatães, com o qual ganharam o Grand Prix de Mágica de Palco. Desde então já apresentaram o ato em diversos festivais no Brasil e no exterior, como Cali Mágico, Argenmagia, FENOMA, Mágicos do Sul, Festival de Mágicas de São Paulo, Festival Cubamagic.


Com uma passagem recente pela Espanha onde, além do ato e espetáculo, apresentaram também sua conferência sobre Telepatia em diversos grupos e associações de mágicos da Europa. .Apresentam juntos o podcast Perspectivas Mágicas, onde discutem diversos assuntos, teóricos e práticos, sobre a Arte Mágica.

O Ilusionista Luiz Fosc participa do conselho diretivo da AMI – Academia Mineira de Ilusionismo É o único mágico brasileiro recordista mundial pelo Guinness Book World Record. É reconhecido e premiado internacionalmente por seu trabalho na mágica de mesa. Foi premiado no FLASOMA – FISM Latino América do Uruguai em 2015 e da Argentina em 2017 . É Campeão brasileiro de Close-up do II Encontro Mundial de Mágicos em 2009. Foi premiado também no ArgenMagia 2016, na Argentina. Apaixonado pela Arte Mágica foi atração em diversos congressos. Participou como congressista do FISM Itália em 2015, e do FISM Korea em 2018. É o idealizador do show “EmCena Mágica VIP”, em cartaz desde 2016, sendo o primeiro show do Brasil voltado para a mágica de mesa, misturando poesia, mágica e música ao vivo.

O Jean Crapanzani trabalha exclusivamente com mágica desde 2004 e se apresentou e participou de diversos festivais e congressos desde então. Em 2005 foi campeão Gaúcho de mágicas no ultimo grande festival de Joe Marbel e em 2006 foi premiado no Congresso Brasileiro de Mágicos (CBM). Em 2007 foi convidado a ministrar seus cursos e aulas na AMAR associação gaúcha de mágica, desde então ministra conferencias e cursos de mágica. O artista também se dedica a outras artes e é reconhecido por seu trabalho com a dança de salão, pois ministra aula nos maiores congressos de dança de salão do Brasil desde 2009. Em 2009 Jean integrou essas duas artes em um projeto chamado Mágica e Dança, com espetáculos mesclando as artes e um blog com artigos sobre os temas. Foi proprietário de uma loja de mágica em Porto Alegre, a única loja na cidade entre 2014 e 2016. Atua profissionalmente em todos os campos da arte mágica, se destacando mais nos efeitos com técnicas manipulativas. Também é psicólogo e estuda a interação entre as artes e a psicologia, e atua realizando oficinas e atendimentos em que a arte se faz presente no atendimento psicológico. Com diversas ideias e efeitos próprios, em 2017 o Jean iniciou o lançamento oficial de produtos próprios que são vendidos em grandes lojas de mágica, se destacando seus DVDs Arte com moedas, com 56 de seus efeitos exclusivos.

Nascido na ilha de Cuba, Rafael Goméz Peréz é hoje conhecido como Cuba Magic. Desde pequeno seus pais e irmãos mais velhos o aproximaram ao mundo da arte: música, canto, dança, e teatro. Em 1998 ao viajar para a Argentina descobriu o mundo maravilhoso do ilusionismo, juntando depois com a mágica, o canto e a dança que carrega no seu sangue, até conseguir integrá-los, resultando em um dos seus shows. No ano de 1999 se graduou na escola de mágica Mandrake na Argentina, e desde então vem realizando suas mágicas pelo mundo. Mágico completo, tem em seu repertório mágica close up, mágica de salão, mágica para crianças e grandes ilusões. Atualmente Cuba Magic é uma das principais atrações fixas dos melhores hotéis e resorts do sul do Brasil. Além disto se apresentou em diversos congressos mágicos nacionais e internacionais, além de participar de programas televisivos.

Bernardo Sedlacek é magico, conferencista internacional, e consultor. Começou na magia ainda criança, aos 9 anos de idade. Considerado um dos melhores mágicos de cartas do Brasil, ele atuou em países como Finlândia, Austrália, Espanha, Holanda. Itália, França, EUA, México, Argentina, Uruguai e alguns outros, atuando lado a lado de grandes artistas da arte mágica como Bill Mallone, Lennart Green, Yann Frisch, entre outros. Sedlacek foi o último mágico brasileiro a ganhar o prêmio de Mágico Revelação do CBI – Circulo Brasileiro de Ilusionismo em 2011 . Também ganhou o Campeonato de Conhecimentos Mágicos organizado pela MIR – Magic In Rio em 2015. Já trabalhou para diversas empresas de porte mundial como Coca-Cola e Resound.

Ryan Rodrigues começou na mágica ainda criança. Além de mágico, é ator, diretor teatral e bailarino profissional. Natural da cidade brasileira de Recife, é dono de uma criatividade peculiar. Possui um estilo próprio e diferente, transformando mágicas clássicas em performances contemporâneas e ousadas. Sempre buscando se inovar e reinventar, suas performances e personagens sempre nos contam uma estória ou nos passam alguma moral, enquanto nos encanta com seus efeitos e técnicas apuradas. Como mágico foi vice-campeão de manipulação do CBM – Congresso Brasileiro de Mágicos em 2006, na categoria manipulação. Artista convidado de diversos congressos nacionais de mágicos como o FENOMA, onde atuou por mais de10 anos, tendo dirigido esse mesmo festival por três anos consecutivos. Também convidado no Magic in Rio, Magicaldas e EMM – Encontro Mundial de Mágicos. Ryan Rodrigues também possui vasta experiência como mágico de hotéis e resorts; além de artista circense, tendo sido atração do Circo Beto Carrero World e Le Cirque.

Quique Marduk é um mágico e conferencista  argentino, que trabalha desde os 11 anos de idade. Ele trabalhou por 8 anos na Walt Disney Argentina, apresentando seus shows e desenvolvendo efeitos especiais de palco. Foi o fundador do Bazar de Magia, tendo atuado em mais de 15 países, incluindo  Espanha,  Brasil e Estados Unidos, onde se apresentou  no Magic Castle,  e na lendária convenção mágica organizada pelos mágicos norte americanos Siegfried & Roy em Las Vegas. É criador  de muitos efeitos mágicos,  e um dos mais renomados especialistas em pick pocket. Junto com o mágico Rey Ben, há 22 anos,  faz parte da dupla mágica Uno & Medio..

Tonny Guerrero é um artista com herança mágica de quatro gerações, e com quatro décadas de trajetória em atividades de ilusionismo para adultos, crianças, empresariais, corporativos e publicitários. Conta com sua capacidade teatral para receber por meio de sua comédia fina, e dinâmica,o sorriso das crianças e o reconhecimento dos adultos. A mágica que surpreende os maiores, e encanta com fantasia os pequenos.
Se consolidou como um dos melhores shows de entretenimento da atualidade no México, tendo se apresentado em diversos países como Guatemala, El Salvador, Costa Rica, Panamá, Colômbia, Peru, Bolivia, Uruguai, Chile e Argentina.
Além de mágico, Tonny Guerrero é palhaço, comediante, cantor e locutor com consolidada carreira profissional. Além destas atividades é organizador do Congresso de Magia e Comédia no México; e proprietário da MTG Magic Shop, tenda de mágica com reconhecido prestígio em toda América Latina.

Rey Ben é um dos melhores mágicos cômicos da Argentina. Seu estilo particular é o resultado de uma combinação de sua magia, seu humor, sua formação como palhaço com Cristina Moreira  da Escola Jacques Lequoc – Teatro Nacional Cervante, e seus trinta e oito anos de trabalho ininterrupto, através do teatro de revista em Buenos Aires, passando por suas quatro temporadas no lendário Magic Castle, em Los Angeles (EUA), onde ele apresentou seu show inteiramente em inglês com 80 apresentações . Possui atuação em programas de televisão e teatro, atualmente tem seu próprio show infantil  intitulado King Ben Cito,  e paralelamente integra a dupla mágicos Uno y Medio, juntamente com o mágico Quique Marduk, com quem viajou por toda a América,  e muitos países da Europa.  A dupla também estará durante o FLASOMA Brasil 2020.

Defma, é um mágico peruano premiado em diversos congressos e festivais, sendo destaque em seu país e na América Latina através da mágica de palco, e infantil.

Como artista mágico foi ganhador de importantes premiações como na categoria Magia Infantil no X CADI – Congresso Argentino de Ilusionismo, realizado em 2019 em Buenos Aires,  Argentina. Ganhador do prêmio de Magia Close-Uo no CADI de 2012 na Argentina. Vencedor em Cartomagia na conveção Rá Magic de 2010 em Caracas, Venezuela; entre tantos outros em seu país.

Ao longo de sua carreira, o mágico Defma também foi convidado a ser conferencista  e artista em diversos festivais e congressos como no  Congresso Internacional de Magia de  2006 no Peru;   V Encontro de Mágicos Infantis da América latina  de 2019, no Chile; III Congresso Latino Americano de Mágica e Comédia, no México; entre tantos outros.

A mágica Martilda é a revelação da  mágica da Espanha. É dedicada a nobre arte do ilusionismo há mais de 9 anos, período durante o qual não parou na formação para que seu show seja tão mágico e artístico possível. É especializada na mágica de salão e palco, embora seja uma grande apaixonada pela mágica close-up.

Vencedora do prêmio “2018 Promessas Oracle” para seu número “Muertos de Hambre,” que é baseado em uma demonstração real da importância da arte em nossa sociedade. Foi discípula direta do mágico Juan Luis Rubiales além de prosseguir os seus estudos no programa Ilusionismo RCU Maria Cristina de San Lorenzo de El  Escorial (Madrid). Ela também é uma atriz e performer no Laboratório de Artes Cênicas “La Nave”, o Teatro Calderón, de Valladolid, Espanha.

Durante sua carreira, ela tem sido parte dos melhores festivais ao redor do cenário nacional espanhol como: Encontro de Mágicos Infantis (2018), Festival Internacional Villa de Sarria (2015, 2016 e 2017), Montgai Magic (2018), Farándomus (Mollet , 2019), Festival Internacional de Magia Infantil de Marin (2019), Valladolid Magic (2016 e 2018), Lugomaxico (2019), Festival Internacional de Mágica de Salamanca (2016) e, por fim shows de gala com os melhores mágicos internacionais.

Dedicado à Arte Mágica há 15 anos, Zimmermann é um jovem mágico brasileiro, ator e conferencista que tem despontado no Brasil e exterior. Utilizando-se da magia clássica aliada a técnicas teatrais, desde os 15 anos de idade têm representado o centro-oeste brasileiro em festivais de mágica pelo país.

Em novembro de 2017 sagrou-se campeão na primeira edição da competição do Magic Festival Brasil. No ano passado conquistou o primeiro lugar em magia de palco no ArgenMagia 2018, em Buenos Aires-Argentina, o segundo maior evento do tipo na América Latina, depois do FLASOMA.

Hoje percorre o mundo representando o Brasil em diversas turnês e eventos internacionais. No FLASOMA 2020, apresentará um ato inédito que promete surpreender o público. 

JeiMim é dos artistas asiáticos de destaque internacional por suas participações em congressos de mágicas em todo o mundo, e também por suas premiações como artista. De origem coreana, JeiMim  é presidente da Associação Coreana de Conteúdos Mágicos, Presidente do Clube de Mágicas da Korea do Sul, organizador da Convenção Seul Magic, e organizador do Festival  Internacional de Mágica de Busan de 2018.  Além disto é um dos principais Dealers da Ásia.

Como artista JeiMim foi vencedor do Gran Prix da Batalha Mágica na Ásia de 2003 no Japão; melhor prêmio mágico em 2007 na Turquia durante o Asia illusion Magic Festival; Melhor Artista Mágico escolhido pelo público dos USA pelo da IBM – International Brotherhood of Magicians no ano de 2009; ; Melhor Artista Mágico escolhido pelo público do Magic Fest de 2014 na Malásia; Melhor Mágico na Convenção de Mágica de Ulsan em 2014;  Prêmio de Mágico Favorito na Malásia em 2015; Convenção de Magia de Ulsan em  2015  com o Prêmio de Melhor Desempenho  na Coréia; Primeiro Prêmio em 2016 da Surabaya Magic Convention na Índia; e Prêmio Especial em 2018 durante Festival Sulap Jawa Barat na Indonésia.

O Mágico brasileiro Rodrigo Lima é mais uma atração do FLASOMA BRASIL 2020. Ele vai mudar a sua percepção sobre conexão. Ele  é um apaixonando por crianças, e o resultado dessa experiência o tornou uma referência brasileira quando se fala sobre mágica infantil. Sua principal ferramenta não são os acessórios mágicos,  mas a ligação que ele cria durante a apresentação com seu público infantil. 

No FLASOMA BRASIL 2020  ele fará uma conferência onde contará como foi a sua mudança da área corporativa para a mágica infantil.  E também  mostrará as principais características que um mágico infantil precisa ter para ter uma carreira promissora e conseguir viver exclusivamente da sua arte.

Eric Chartiot, o Magicontador, nasceu na França em 61, ano em que o primeiro homem saiu da atmosfera. Será que ali nasceu a vontade de viajar? Com 18 anos foi morar em Londres onde estudou a língua de Shakespeare… lavando pratos em restaurantes. Em 85 se formou em Lyon, França, como tradutor intérprete e logo se mudou para Sevilha, Espanha, onde ensinou o Francês antes de vir ao Brasil em 86 para trabalhar durante dois anos na Embaixada da França. De volta ao país de origem, ficou cinco anos em Paris,representando uma editora francesa em toda Europa do Sul e América Latina. “Naquela época, viajava mais que aeromoça! ” fala!

Em 93 assumiu o posto de Diretor de Cursos do Centro Cultural Francês em Oslo, Noruega, e em 97, voltou ao Brasil como Diretor da Aliança Francesa de Porto Alegre. Terminando seu contrato, em 2002, começou a carreira de… Mágico e Contador de histórias. Cultivando um estilo particular, o Magicontador já participou dos maiores festivais de Mágica e de Contação de histórias da América Latina, publicou vários livros e apresenta espetáculos para todos os públicos. Mas por que deixar uma bem sucedida carreira profissional para tentar viver de Mágica? Por que? Bem… suspenda a incredulidade, não tente entender!

 

Diego Minevitz, é um artista argentino extremo, com mais de 30 anos de experiência no mundo da mágica, ilusionismo e artes marciais. As disciplinas com que ele aprendeu a complementar, com base em seu treinamento físico e mental, para se tornar o artista que é hoje.

Sua vasta experiência tem permitido fazer suas apresentações a nível mundial, tendo captado um grande público no oriente, especificamente na China. Em suas apresentações Diego Minevitz realiza grandes escapes, como técnicas de fakirismo da escola indiana, e testes mentais extremos desenvolvidos no oriente.

Durante os últimos anos, Diego tem sido muito demandado para conferências motivacionais em convenções e feiras relacionadas ao mundo da mágica e dos esportes radicais, o que o levou a desenvolver uma unidade de conferências motivacionais para empresas a nível mundial.

Neste ano de  2019, no Brasil, Diego Minevitz entrou para o seleto grupo dos integrantes do  livro dos recordes Guiness Book, batendo um recorde mundial, com a realização de um número de escapismo da camisa de força, suspenso de cabeça para baixo em balão a 3.100 metros de altura.

Daniel K tem 39 anos, e desde os 8 anos faz shows de mágica. Ele ganhou vários prêmios internacionais, entre eles, o terceiro prêmio de magia da América Latina, em 2006 em Bogotá, Colômbia. Ele percorreu quase toda a América e Espanha apresentando seus shows em lugares como o Teatro Solís em Montevidéu, o Teatro Avenida em Buenos Aires, e o histórico Castelo Mágico em Hollywood.  Este último um lugar exclusivo onde os melhores mágicos do mundo são apresentados. Daniel é o único mágico uruguaio a ter se apresentado lá.

Por mais de 20 anos ele trabalhou na televisão,  sendo convidado para programas no Uruguai, Argentina, Peru, Equador, Colômbia, Guatemala e Estados Unidos, onde suas aparições destacaram-se nos programas Don Francisco Presents, e Despierta America da rede Univisión. Ele também ministra cursos e palestras ao redor do mundo para mágicos profissionais  e amadores, onde ensina seus efeitos originais, e pensamentos teóricos sobre a mágica. Daniel K  e é o único mágico  uruguaio a dar uma palestra na Academia de Artes Mágicas de Los Angeles, uma das mais prestigiadas sociedades mágicas do mundo. Ele trabalhou para quatro dos últimos cinco presidentes do Uruguai, e para quase todas as grandes empresas da região.

Daniel K também  é licenciado em Comunicação com a tese intitulada: “Contraponto entre mágica e televisão”, onde analisa, entre outras coisas, como fazer mágica na televisão e ter tanto impacto emocional quanto na mágica ao vivo. O mágico David Blaine já pediu permissão para fazer uma das criações mágicas de Daniel K para seus especiais de mágicas na televisão.

Gustavo Raley  é um dos mais reconhecidos ilusionistas da Argentina e América do Sul, por criar uma grande quantidade de efeitos mágicos que são sucesso em todo o mundo como:  The Super Can, The Cocktail, Cubik Boom, entre outros, que podem ser vistos em www.creacionesraley.com .

No FLASOMA Brasil 2020 além de estar no palco, ele compartilhará suas técnicas e experiências no mundo da criação de efeitos mágicos. Ele falará sobre alguns pontos chaves na etapa de criação que levam a três pontos fundamentais: Inspiração, Investigação, e Inovação. Conceitos apresentados em mais de 150 sociedades mágicas em todo o mundo. 

O FLASOMA Brasil 2020 também receberá o argentino Daniel Mormina. Vencedor de vários prêmios internacionais em Close Up, Cartomagia e Invenção, entre os mais proeminentes Congressos da América Latina como o  FLASOMA 2004 (Buenos Aires, Argentina), FLASOMA 2006 (Bogotá, Colômbia) e FLASOMA 2013 (Santiago, Chile), onde obteve o Grande Prêmio da Magia Close Up.

Atualmente é professor de uma das melhores escolas de mágica da América do Sul,  criada e dirigida por Henry Evans, onde está  desde 2011. Mormina também é autor e  criador de vários números de mágicas. Destaca-se por sua técnica,  e apresentação de rotinas musicais de cartomagia e close-up.

O FLASOMA Brasil 2020 terá a honra de receber um dos mais destacados artistas  da mágica mundial. Em 2012, Henry Evans foi convidado para Pequim, para competir no Torneio dos Campeões Mundiais FISM, junto com outros campeões mundiais de anos diferentes, e ganhou o Grande Prêmio: Ouro.

Entre outros destaques em premiação citamos o 1º Prêmio FISM 2000 em Cartomagia;   participação da Convenção MVP do Prêmio FFFF 2002  que é a convenção anual de close-up que pode ser assistida apenas por convite. Somente artistas premiados no FISM, ou mágicos endossados ​​por algum artista premiado pelo  FISM; duas vezes indicado como melhor orador no Magic Castle ano 2001, ano 2004; Mágico do Ano na Argentina 1995, 2000, 2005, 2011, 2012, entre outros prêmios. Henry Evans também já foi jurado em importantes festivais mágicos como o FISM 2012 em Blackpool, Inglaterra; FISM 2015 em Rimini, na Itália; e no FISM 2018 na Coréia do Sul foi conferencista em cartomagia.

Gaël Da Silva, o Mister Panda, é fundador e proprietário da Panda Magic, marca líder mundial no campo de itens em papel flash. No FLASOMA Brasil ele  contará tudo o que você precisa saber sobre o papel flash. Desde como comprar papel flash de qualidade,  a como armazená-lo para aumentar a vida útil, passando por dicas importantes sobre como aumentar seu desempenho usando o flash.

Em seu workshop, Gaël compartilhará várias idéias sobre como usar seus produtos, ensinará como criar um truque bem legal,  e compartilhará segredos que poucas pessoas conhecem. Então não perca esta oportunidade de ampliar seus conhecimentos mágicos para melhorar suas rotinas.

O artista sueco Robert Ace se apresenta como mágico desde 2008. Atualmente, reside em Estocolmo, mas trabalha em todo o mundo. Ele começou como um mágico com uma propensão para a comédia, mas depois de estudar as técnicas do pick pocket  por vários anos, ele agora trabalha como um “ladrão cômico de bolso “.

Robert  estuda há vários anos o pick pocket   aprendendo a identifica-los nas ruas. Agora ele também dá palestras para guardas de segurança e empresas de segurança sobre como funcionam os ladrões que fazem pick pocket  e como detectá-los.    Ele se apresentou para os ganhadores do Prêmio Nobel em 2011 e conseguiu que um premiado no Nobel de Física gritar para todos após passar pela experiência com Robert:  “Tudo impossível! É fisicamente impossível! ”.

Quando ele testou suas habilidades contra seus colegas nos países nórdicos, ficou em destaque nos campeonatos sueco e nórdico em Micro Magia depois de apenas 2 anos no mundo mágico.

Translate »